People and climate change

Here are some of my recent stories on environmental issues and humanitarian crises.

Los Angeles Vegan Fashion Week

I interviewed Argentine stylist Romina Cardillo, from the brand Nous Étudions, during the third edition of the Los Angeles Fashion Week, in 2021.

Here is a snippet from the article to Ecoa.

3th edition of the Vegan Fashion Week in Los Angeles – photo by Fernanda Ezabella

LOS ANGELES – Aestilista argentina Romina Cardillo vem de uma família com longa tradição na moda, mas ela resolveu seguir seu próprio caminho e criar uma nova marca, a primeira de roupas veganas no país, fundada há 14 anos.

Antes, no entanto, ela fez a mãe, a estilista María Vázquez, parar de trabalhar com pele animal e ainda a introduziu ao veganismo, no qual segue forte faz dez anos.

Com criações sustentáveis, sem gênero e peças monocromáticas de silhuetas largas, Cardillo vem conquistando o mundo fashion internacional. Em 2020, foi selecionada pelo prestigiado prêmio francês LVMH Prize e, em 2019, criou uma coleção cápsula vegana para a Nike. Continue lendo no Ecoa.

Refugees in Brazil and the food connection

I interviewed several refugees in different cities in Brazil to talk about their relationship with food as a sentimental bond to their original countries and also as a lifeboat to generate income in their new homes.

The story was part of a special investigation on food security in Brazil made by the website Ecoa.
Read the story in Portuguese.

Read the story on Ecoa

Los Angeles starts pilot for guaranteed basic income

LOS ANGELES – Los Angeles virou a maior cidade dos Estados Unidos a aderir a um programa piloto de renda mínima básica que vem se espalhando pelo país no último ano.

A prefeitura abriu inscrições para escolher 3.200 famílias de baixa renda que irão receber US$ 1.000 (R$ 5.545) por mês durante um ano, sem contrapartidas, a partir de 2022.

Chicago, terceira maior cidade do país depois de Nova York e Los Angeles, também ganhou projeto similar, ainda sem data de seleção. A cidade de 2,7 milhões de habitantes dará US$ 500 (R$ 2,772,50) por mês para 5.000 famílias, usando US$ 31 milhões (R$ 172 milhões) do pacote federal de estímulos contra a pandemia. Continue lendo na Folha de S.Paulo.

Artist recreates famous paintings with plastic bags

LOS ANGELES – Longe das ruas por conta da pandemia, o artista Eduardo Srur deixou de lado as grandes intervenções pela cidade de São Paulo para se fechar em seu ateliê no último ano.

Passou a pintar telas famosas de Cézanne, Van Gogh, Monet e Tarsila, produzindo um curioso efeito realista sem usar tinta nem pincel. Seu material mágico são apenas centenas e centenas de sacolas plásticas, numa técnica que vem desenvolvendo desde 2019.

A série de trabalhos chamada “Natureza Plástica”, em referência aos clássicos da “natureza morta”, já rendeu “Mona Lisa (after Leonardo da Vinci)”, “O Grito (after Edvard Munch)” e “Abaporu (after Tarsila)”. Continue lendo no Ecoa.

Artist turns wasteland into an urban farm in Los Angeles

LOS ANGELES – A californiana Joanna Bassi passou meses tirando mato e ervas daninhas do terreno baldio nos fundos de sua casa, algumas tão grandes que passavam de sua altura. Na limpeza, encontrou também surpresas soterradas: garrafas de cerveja dos anos 1920, partes de uma motocicleta, pratos antigos e um tapete felpudo onde morava uma família de aranhas viúvas-negras.

“Era praticamente um sítio arqueológico”, brinca Bassi, que começou em 2017 a transformar sua propriedade em Montecito Heights, um bairro residencial a 6 km do centro de Los Angeles. A casa de dois quartos fica no topo de uma colina, com vista para as montanhas e, nos dias de céu limpo, para o oceano Pacífico.

Hoje, no lugar do lixão, está a fazendinha urbana Rose Hill Farm. Há alface, acelga, beterraba, cenoura, flores comestíveis e árvores frutíferas, tudo orgânico. Foram três anos de trabalho intenso no terreno de 522 m², que traz um detalhe nada pequeno: fica numa encosta íngreme, agora convertida em sete terraços. Continue lendo no Ecoa.

TED Countdown

Read about TED 2021, a global call for actions against climate change

Family turns home into huge vegetable garden in Pasadena, California

Anais Dervaes, da Urban Homestead

Numa pequena rua escondida atrás de uma movimentada freeway de Pasadena, cidade ao sul da Califórnia, uma casa chama atenção pelo aparente matagal que toma sua entrada e esconde a residência ao fundo. Porém, olhando de perto, não se trata de mato e sim de um jardim urbano de delícias: só da calçada, dá para ver pés de goiaba, sálvia, sabugueiro e até abóbora.

A propriedade de 800 metros quadrados se chama Urban Homestead e guarda quase metade do terreno para plantações. É um espaço pequeno e apertado e, ainda assim, extremamente produtivo. Em 2010, produziu três toneladas de comida, incluindo 90% da dieta vegetariana da família Dervaes, que mora aqui desde 1985.

Hoje, o foco é menos em quantidade e mais na sustentabilidade do negócio: a fazendinha em plena metrópole vende para restaurantes, organiza cestas de orgânicos, recebe escolas e oferece cursos. Na pré-pandemia, fazia entre US$ 5 mil e US$ 10 mil por mês. Com a pandemia, os restaurantes sumiram, mas as cestas triplicaram para 150 por semana. Leia reportagem completa em Ecoa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s