A maior loja de maconha do mundo

From Maconha em Oakland

No começo deste ano visitei a Harborside Health Center, em Oakland, na Califórnia. É o maior estabelecimento de venda legal de maconha do mundo, mais de US$ 22 milhões por ano.

O fundador da empresa (sem fins lucrativos) é Stephen DeAngelo, que entrevistei durante minha passagem e que fez um tour pela loja gigante, num galpão fora do centro da cidade. Havia fila para entrar, e um detector de metais na porta. Dentro, aquele cheiro de grama molhada.

A matéria saiu na Folha de domingo:

“Rainha dos Sonhos”, “Alienígena” e “Copa Cabana” estão entre os medicamentos à venda nas prateleiras da Harborside Health Center, após o visitante passar por um detector de metais e uma fila de meia hora. O estabelecimento na cidade californiana de Oakland está longe de ser uma farmácia comum, ainda que seu diretor-executivo, Stephen DeAngelo, faça questão de chamar de “pacientes” seus 104 mil clientes cadastrados.

Os nomes curiosos estão nas etiquetas de 60 variedades de maconha, ou “medical cannabis”, num grande galpão transformado numa loja de iluminação natural, piso de madeira clara e um cheiro de terra molhada.

“Queríamos criar um ambiente no qual o paciente possa sentir que isto é normal, apenas uma loja a mais que ele vai ao longo do dia. Não precisa ser rastafári ou punk rock para se sentir confortável aqui”, explica DeAngelo. Continua…

A foto acima é do vendedor Austin. Abaixo divido algumas fotos que tirei no local.

From Maconha em Oakland
From Maconha em Oakland
From Maconha em Oakland
From Maconha em Oakland

Harborside Health Center em números

Fundada em 2006 com investimento de US$ 400 mil, pago em 18 meses.
Duas unidades na Califórnia – Oakland (80 funcionários) e San José (40 funcionários)

Clientes cadastrados – 104.000
Clientes por dia – 600 a 800

Provedores – 1.000 plantadores independentes na Califórnia
Limite de compra por semana por usuário: 57 gramas de maconha

Câmeras de segurança – 24
Estacionamento – 55 vagas

Faturamento 2011 – US$ 22 milhões
Impostos 2011– US$ 3 milhões, incluindo mais de US$ 1 mi para Oakland

Gastos com compra de maconha – US$ 14 milhões
Tipos de maconha vendida – 50 a 70 variedades
Preço – grama de US$ 12 a US$ 17

Sobre o processo de seleção da maconha:

“Temos um controle de qualidade de dois estágios. No primeiro passo, meu agente de compra vai olhar bem cuidadosamente o material, em luz natural, com lente de aumento e com microscópio. Vai sentir com as mãos, cheirar. Uma pessoa bem treinada consegue com esse procedimento identificar se é boa. E, neste processo, a gente rejeita 90% do que é apresentado. Não porque é ruim, mas porque temos um padrão muito alto, estamos no epicentro do cultivo da maconha, podemos ter este luxo. Na sequência, levamos para uma análise de laboratório para descobrir a potência do medicamento, o perfil da planta, para saber se é algo que a gente precisa ter em nosso estoque naquele momento.”

Amanhã eu posto aqui uns vídeos amadores que fiz no local, com outros dados sobre a droga nos EUA. E na quinta falo sobre o bairro maconheiro de Oakland, chamado Oaksterdam, trocadilho com Amsterdã.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s